As garotas de programa

*Munganga contada pela atriz, poetisa, radialista e munganguenta, Márcia Souto

 

No dia 21 de setembro é comemorado, de forma simbólica, o dia do radialista. Nesta data, fiz o programa Munganga no Ar (rádio Sanhauá), dedicado à  categoria. A convidada era Márcia Souto, atriz, poetisa e radialista também.

Poesia vai, conversa vem, música vai e dança vem. Sim, com ela, até isso fizemos no estúdio (eu, ela e Rafinha Paiva). A bicha é quente, viu! Também, é de Patos e deve ter trazido os 40 graus da cidade mais quente do estado, pro estúdio. Em meio ao papo pra lá de descontraído, comentei que tou muito feliz porque, depois de véa virei “garota de programa”.

Márcia deu um pinote de lá e disse: oxe, e eu também. E contou uma munganga que aconteceu com ela quando tinha um programa de rádio, na “Morada do Sol FM”.

“Estava eu, andando na rua, lá em Patos, e uma amiga me liga chamando pra fazer um lanche”.

Márcia respondeu:

– Oh mulher, nem posso porque ainda tenho que fazer o programa. E hoje é o pior dia porque faço logo dois programas.

Nisso, vinha passando um homem e quando escutou aquela conversa, se aproximou de Márcia, a cubou de cima a baixo e, pelo visto, deve ter gostado do que viu, pois foi logo perguntando:

-Me desculpe, acabei ouvindo a sua conversa e queria saber uma coisa: quanto é o programa?

– Depende. 15 minutos custa R$ 50; meia hora é R$ 100 e uma hora é R$ 200, comigo falando.

– Valha, e depois disso tudo, você ainda fala?

 

25 thoughts on “As garotas de programa

  1. Conheçi Marcia qdo fazia o projeto Sindicultuta no sertão e qdo chegávamos em Patos ela abria os microfones do seu programa pra gente divulgar nossas programações. Esteve sexta com a gente na Confraria do MALAGRIDA . Muito louca essa mulé!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *